Em uma tarde em que os termômetros baixaram e a chuva caiu forte em Curitiba (PR), poucas coisas deram certo para o Coritiba Monsters/Sociedade Thalia. O time de Coxa Branca buscou reação em duas oportunidades, mas permaneceu atrás durante todo o jogo e acabou derrotado pelo ADRM Maringá, 75 a 68, pela Liga de Desenvolvimento de Basquete 2021.

Mesmo estando atrás desde o início da partida, a equipe Coxa Branca lutou para encurtar a diferença que chegou a cair para cinco pontos no final segundo quarto, depois alcançar 16 durante o período inicial. Na volta do intervalo, porém, o adversário do interior do Paraná freou a recuperação curitibana.

Comandados pelo pivô Yohan, autor de um duplo-duplo com 17 pontos e 11 rebotes, o Coritiba Monsters/Sociedade Thalia ainda tentou buscar uma reação no período derradeiro, mas a equipe maringaense manteve-se firme, converteu os lances livres nos segundos finais e assegurou a vitória.

Também se destacaram na partida os ala João Santos, com 13 pontos, e Igor, com 11 pontos e 9 rebotes, além do armador Rafinha, com 11 pontos.

“Começamos mal na partida e isso nos prejudicou. É difícil quando tem que ficar remando e remando atrás. Depois que conseguimos esquentar o jogo ficou mais parelho”, avaliou João Santos

Pelo ADRM/Maringá o destaque ficou por conta do ala/armador Paulino, maior pontuador do jogo com 29 pontos.

“Esse foi o jogo que tivemos menos desperdícios, mas em compensação fomos mal nos chutes”, analisou o técnico Fábio Pellanda. “Acredito que as rotação não funcionaram tão bem hoje, alguns quintetos não encaixaram. Mas temos que seguir trabalhando”, destacou o comandante alvi-verde.

O Coritiba Monsters/Sociedade Thalia é um projeto mantido pela Associação Viver Mais em parceria com o Coritiba Football Club, com patrocínio do Hospital Novo MundoCN-Cobertura NacionalSSW Sistemas e apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba.

  • Próximo adversário

O próximo compromisso do Coritiba Monsters/Sociedade Thalia será nesta sexta-feira (27) o Stock Med/União Corinthians, da cidade de Santa Cruz do Sul (RS). O confronto encerra a participação do time verde e branco na LDB 2021.

“O União é um time muito técnico, tem bons arremessadores e bom jogo com os pivôs. Acredito que seja uma das equipes com o melhor arsenal ofensivo dessa etapa. Temo que fazer uma boa defesa para vencê-los”, preveu Pellanda.

Confira o calendário de jogos em Curitiba

Sede: Ginásio Dirceu Graeser/Curitiba (PR)

23/08 

14h – ADRM/Maringá 71 x 68 VIPTech/CMB/Campo Mourão
16h15 – Coritiba/Monsters/Sociedade Thalia 79 x 39 Caxias do Sul

24/08

14h – Caxias do Sul 57 x 70 Stock Med/União Corinthians
16h15 – Coritiba Monsters/Sociedade Thalia 81 x 86 VipTech/CMB/Campo Mourão

25/08 

14h – Caxias do Sul Basquete 79  x 89 VipTech/CMB/Campo Mourão
16h15 – Stock Med/União Corinthians 86 x 45 ADRM Maringá

26/08

14h – VIPTech/CMB/Campo Mourão 64 x 58 Stock/Med União Corinthians
16h15 – Coritiba Monsters/Sociedade Thalia 68 x 75 ADRM Maringá

27/08 (Sexta-feira)

14h – Caxias do Sul Basquete x ADRM Maringá
16h15 – Coritiba Monsters/Sociedade Thalia x Stock Med/União Corinthians